21
Mai 11

 

O Jogo na Ponta do Pincel

 

 

Todos nós temos quadros em casa. Pequenas pinturas que nasceram de uma inspiração e o artista desabafou na tela. Esses quadros, desabafos ou suspiros estão agora pendurados nas nossas paredes, parados, estáticos; apenas uma ilustração e uma assinatura para serem apreciados de vez em quando.

Clever Studio, vai mais longe dizendo que todos os nossos quadros contam uma história ou estória muito mais complexa e clara do que apenas uma imagem representar outra imagem e eles provam-nos com o Õkami. Ao por o DVD do nosso jogoÕkami na nossa consola que por si está ligada à televisão, a televisão deixa de ser apenas uma televisão e transforma-se numa moldura onde iremos "desenhar" uma

 

Estória

 

de aguarelas. Numa primeira e curta parte do jogo, é-nos contada um prólogo que nos transporta para 100 anos antes da aventura principal. Ficamos a conhecer como um lobo branco e um guerreiro humano Nagi derrotaram um dragão de 8 cabeças chamado Orochi e que ameaçava uma pequena vila e a amada de Nagi. No entanto estes dois corajosos lutadores não o conseguiram derrotar, mas sim aprisionar o monstro.

Voltando ao presente, Susano, descendente de sangue de Nagi, acidentalmente e ignorando as consequências, quebra o selo que aprisionou por 100 anos o temível OrochiOrochi com sede de vingança não foi de modos e eliminou toda (ou quase toda) vida existente. Neste momento, Sakuya, espírito da Natureza, invoca a deusa do Sol para reencarnar no lobo branco Amaterasu.

Amaterasu será o nosso lobo, a personagem principal. Será sempre acompanhado por Issun, um insecto (o "Bug", como gosta Sakuya de o chamar, apesar de ele detestar), que insiste em chamar-nos de "Amy" ou "Furball" (Bola de pêlo). A nossa missão será trazer a vida de volta a este mundo em decadência e eliminar a ameaça. Para isso, teremos uma

 

Jogabilidade

 

bastante colorida e rica. Este jogo Õkami é um misto de acção, plataformas e puzzles.

Quando pensamos que já tínhamos visto tudo nesta geração de 128 bits, eis que este jogo nos surpreende pelo positiva com a ferramenta Celestial Brush. Esta ferramenta consiste em sobrepor uma tela sobre o ecrã e pintarmos a acção que quisermos e tivermos disponiveis, como por exemplo, se desenharmos uma linha recta, terá um efeito de corte, que será útil para descontar mais saúde aos inimigos e também para cortar obstáculos, como resolução de puzzles.

Outro exemplo é: ao desenharmos um circulo na copa de uma árvore triste e privada de alegria, esta rapidamente nos dará a alegria de a ver florescer e com isto ainda ganhamos Praise, onde os poderemos gastar para evoluir as nossas status. Existem 13 comandos diferentes para o nossoCelestial Brush, mas se pensam que são poucos não se acanhem, pois quase todos têm pequenos sub-comandos que nos permitem outras funções para o nosso mágico Celestial Brush, nem que sejam meramente decorativos. Cada comando principal desta mágica ferramenta, é correspondente de um dos símbolos do Zodíaco japonês.

Os combates são numa pequena arena, onde teremos que eliminar os nossos inimigos, sendo para isso necessário tácticas diferentes para cada inimigo para os eliminar, nunca sendo matemático e certo; ou seja, se num combates nos aparece 3 inimigos e conseguimos eliminá-los com sucesso, não quer dizer que consigamos eliminar os mesmos três inimigos com o mesmo sucesso num futuro combate. Nos combates podemos usar tudo o que esteja na nossa disposição: Armas, itens, Celestial Brush, entre outros...

Toda esta natureza viva encontra-se num

 

Ambiente


Cell-Shading, caracterizando as pinturas japonesas, muito ao estilo aguarela. Uma magia de cores e movimento para os nossos olhos.

O ambiente e arquitectura das vilas leva-nos a viver uma época japonesa longínqua onde a cultura, mística e lendas estão mais vivas que nunca e, mais importante, teremos gosto em viver e fazer parte de tudo!

O jogo está rico em missões secundárias, e, a todos que quiserem jogar esta arte, lanço-vos um desafio: tentem ignora-las. Dificilmente não conseguirão, pois quererão fazer tudo o que o jogo terá para oferecer. Até o facto de alimentarmos os diversos animais com as comidas certas para cada espécie, somos presenteados com uma imagem colorida e florida dos bichos a alimentarem-se e ficarem satisfeitos. Pequenos pormenores fazem a diferença em gigantes acontecimentos.

No entanto, o nosso protagonista Amaterasu é um lobo. Ao principio, os puzzles podem ser um pouco difíceis de adaptar, pois não temos um botão para agarrar algo (excepto objectos pequenos, que podemos levar na boca), para levar para um sítio uma esfera maior que nós, teremos de empurrar e arrastar, entre outros, mas isto são situações que ao principio pode estranha um pouco, mas depressa entranha.

As vozes das personagens não passam de murmúrios [não-interpretáveis], onde teremos mesmo que ler o que elas querem dizer, para percebermos. No entanto, o modelo das personagens é de tal modo bem conseguido e desenhado, que muitas vezes verão a animação das personagens, depois lêem o que estas mesmas têm para dizer, voltam a olhar para o modelo da personagem e só depois carregarão no botão correspondente para passar à frase seguinte; e assim sucessivamente. Com isto, o meu

 

Veredicto


 

 

é: Apesar de o jogo, à primeira vista, parecer um jogo animado e dedicado ao publico mais jovem, creio que será um pensamento depressa eliminado pela natureza e filosofia do jogo. Se bem que se os mais novos se conseguirem adaptar ao jogo e viverem o que ele nos ensina, tanto melhor.

Admito também que este jogo não irá ao encontro de todos os gostos, principalmente aos que se consideram mais hardcore gamers. Para estes convém uma maior prospecção para conhecer o produto. No entanto, para descontrair e fugir um pouco ao estilo pelos mesmos adoptado, este é o jogo que recomendo.

 

Prós

  1. Personagem principal e outras
  2. Ambiente Cell-Shading do melhor que já vi
  3. Jogabilidade
  4. Estória e missões secundárias

Contras

  1. Câmara por vezes mal posicionada


Publicado Por ChadGrey às 11:49
tags:

Banner
Mais Sobre Mim

Ver

Seguir

2 seguidores

Pesquisar